República das Francesinhas

República das Francesinhas

República das Francesinhas

Perfil

A República das Francesinhas está pejada de pormenores. Talvez devido à formação da Cátia Ferreira, chef e licenciada em Geografia e Mestre em Sistemas de Informação Geográfica (SIG). “Cada um destes quadros na parede tem um significado especial (…) A porta é tipicamente portuguesa; a ardósia onde escrevemos o menu é proveniente de S. Martinho do Campo; e a loiça de barro preto pela qual sou apaixonada – bem como os clientes – vem de Molelos. Gostamos de valorizar o que é nacional e local.” Cátia e o marido, Carlos Moreira, já tinham experiência em restauração – servindo pratos do dia – e estiveram para desistir. Mas a procura cada vez maior pelas suas francesinhas fê-los arriscar num novo projeto a 23 julho 2019…e acertaram! No primeiro sábado serviram mais de 60 refeições e em períodos fora do confinamento chegam a ser mais de 5 pessoas na equipa.

No menu reparámos na Burguesinha. “O que é? Hambúrguer com molho de francesinha que faz as delícias de muitos clientes. E para os vegetarianos temos molho sem qualquer tipo de carne ou caldo de carne”, diz-nos Cátia com uma alegria cativante, ressalvando a simplicidade que gostam de empregar nas receitas.

Ao fim-de-semana não fazem marcações, mas pode recolher a refeição em serviço de take-away. E se tiver a sorte de morar dentro dos limites de Gandra, Sobreira, Rebordosa, Recarei, Astromil, Vandoma, Parada de Todeia, Cete, Mouriz e Baltar, pode saborear estes regalos em casa com entrega por apenas 2€ (serviço só disponível em época de confinamento).

O que precisa de saber

Francesinha e burguesinha (versões vegetarianas também disponível), pica-pau, prego, cachorro e tosta mista. Mini-pratos para crianças. 

Rua da Aldeia, 4585-047, Baltar.

3ª feira a sábado: 12h – 15h |  19h – 22h | domingo: 19h – 22h

912 947 679

republicafrancesinhas@gmail.com

Em período de confinamento: serviço de take-away e entregas ao domicílio.